Neste momento temos: 310 usuários online.

Luiz Almir vive um momento de indecisão: Não sabe se conclui o mandato de vereador em Natal ou se lança sua candidatura, a pedido do Partido Verde, para a Câmara Federal, em Brasília. A revelação foi feita nesta manhã, a O Jornal de Hoje. Apesar de assumir que o plano inicial é “não ser candidato no próximo ano”, o parlamentar municipal afirmou que ficou “sentido” com o convite e pode mudar de opinião. Para isso, afirma que precisa “fazer mais”, “trabalhar mais por Natal e pelo povo”.

“O presidente do partido no RN (senador Paulo Davim) me pediu para ser candidato a deputado federal na próxima eleição. O PV deve sair ao lado do PMDB e do PR, formando um grupo forte para a próxima eleição e disse que meu nome estava muito bom, estava forte”, afirmou Luiz Almir, confirmando o interesse do partido em lança-lo candidato na vaga que deve ser deixada pelo atual deputado federal do partido, Paulo Wagner, que não teria interesse em disputar a reeleição para a Casa Legislativa Federal.

“Ele (Wagner) me ligou ontem (segunda-feira) e falou que poderíamos formar uma ‘dobradinha’, com ele saindo para estadual e eu para federal. Paulo Wagner disse está precisando tratar mais da saúde dele e está muito cansativo viajar toda semana para Brasília”, revelou Luiz Almir.

Segundo o vereador de Natal, no entanto, o objetivo inicial é não ser candidato. “Estou muito decepcionado com a política. Triste. É muita promessa não cumprida, mas daqui para dezembro eu vou tomar uma decisão. Fiquei muito feliz com o convite, até porque ele não veio só do meu partido, mas também de aliados, como Henrique Eduardo Alves (PMDB) e João Maia (PR)”, acrescentou.

Para Luiz Almir, além do convite, é preciso também “fazer mais por Natal” para motivá-lo a ser candidato. Ele revelou aO Jornal de Hoje ter projetos para o congresso federal, como a redução da maioridade penal, e obras de recuperação de equipamentos públicos. “Quero ir a Brasília muitas vezes este ano para buscar apoio para obras em Natal. Quero ser o fuxiqueiro de Natal em Brasília, mas isso no bom sentido, denunciando os problemas para buscar a solução”, comentou.

Esse projeto referente a redução da maioridade penal, de 18 para 16 anos, Luiz Almir afirmou que está coletando assinaturas para levar a capital federal e entregar o abaixo assinado para Henrique Alves e para o ministro da Previdência Social, Garibaldi Alves Filho, que poderiam pressionar o Congresso Federal “nessa bandeira”. “O jovem de 16 anos não é como era em 1940. Precisamos atualizar essa parte do código penal. Antigamente, às 22h, o jovem estava em casa para dormir. Hoje, às 23h, ele quer sair de casa para ir para festa e só voltar as 6h da manhã do dia seguinte”, comparou Luiz Almir.

Além disso, Luiz Almir afirma que quer trabalhar em Brasília, este ano, mesmo sem mandato, na busca de recursos para obras de recuperação de Natal. “No início do ano fui a Brasília para mostrar a estrutura da Ponte de Igapó e ficaram impressionados com a degradação de lá e prometeram recursos. Mostrei também passarelas de pedestres de Natal. Meu próximo passo é mostrar a situação das quadras de esportes, todas precisando de recuperação”, afirmou.

 

Fonte: O Jornal de Hoje

  • Compartilhe com o Facebook
  • Compartilhe com o Orkut
  • Compartilhe com o Technorati
  • Compartilhe com o Delicious
  • Compartilhe com o Digg
  • Compartilhe com o Reddit
  • Assine o Feed e seja o primeiro a receber os artigos
Administrador Em maio - 29 - 2013

Deixe uma resposta


*
img.php_

TSE recebe mais de 9

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já registrou mais de 93 ...

educacao_infantil

Sem lógica: Senado

A Comisão de Educasão, Cultura e Esporte (CE) do Senado ...

10616139_844117372296934_7408091634850953106_n

Marina acusa advers

Durante discurso de homenagem a Eduardo Campos, presidenciável do PSB ...

IMG_0290-2

Wilma continua perde

O prefeito de Grossos, José Maurício Filho, o Mauricinho (PMDB), ...

10609277_632241350223500_437422462_n

Macaíba: Visita na

Depois que fundamos, no último domingo, a associação de moradores ...